logo

logo logo logo Colab

Licitações FeSaúde

SEPLAG – UGP/CAF

Licitações SMEL

Licitações Sexec

Licitações SMEL


Início
Com isolamento social e ações da Prefeitura, Niterói tem crescimento lento de casos da Covid-19 PDF Imprimir E-mail

05/04/2020 – O número de casos de Covid-19 confirmados em Niterói permanece com crescimento lento devido ao isolamento social e às ações da Prefeitura. Nesse domingo (5), a cidade contabiliza 87 casos confirmados, sendo 32 em isolamento domiciliar, 17 hospitalizados (14 em Unidade de Tratamento Intensivo), 2 mortes e 36 recuperados.

O Secretário Municipal de Saúde, Rodrigo Oliveira, destaca que esses números mostram que Niterói está vencendo a batalha contra o coronavírus.

“A guerra é longa, mas estamos vencendo devido à cooperação da população que está compreendendo a gravidade do momento e ficando em casa para cumprir o isolamento social. Essa medida, junto com o trabalho da prefeitura de amparo social para mitigar os efeitos do isolamento social, de apoio econômico para proteger o empregos dos niteroienses e de preparação da rede de saúde, tanto de vigilância para identificar e isolar os casos suspeitos, mas também de preparação e ampliação da rede para enfrentar o coronavírus, está fazendo com que Niterói hoje esteja bem posicionada e que continuemos com o crescimento abaixo da média da cidade do Rio de Janeiro, do Estado de forma mais ampla e até do Brasil”, disse o secretário.

Rodrigo de Oliveira menciona que é importante manter o isolamento social.

“Cada um precisa fazer a sua parte. Ficando em casa você salva a sua vida, dos que ama e das pessoas que precisam estar nas ruas trabalhando. Também peço que as irregularidades (como comércios que não sejam de serviços essenciais, pessoas na praia ou outros que violem os decretos) sejam denunciadas pelo número 153 ou pelo WhatsApp 98450-0153”, reforça.

Vacinação retorna na próxima semana

Na próxima terça-feira (7), recomeça a vacinação nos postos de saúde espalhados pela cidade. Além disso, para idosos acamados ou com dificuldades de locomoção, é necessário que um responsável envie um e-mail para Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo. com os dados do idoso para que ele possa receber sua dose em casa.

A vice-presidente da Fundação Municipal de Saúde, Maria Célia Vasconcellos, informa sobre a situação em Niterói.

“A vacinação na cidade está ocorrendo de forma irregular devido ao abastecimento interrupto do Ministério da Saúde e da Secretaria de Saúde do Estado que, devido à alta demanda, não tem chegado ao nosso estoque. A vacina é essencial e ajuda na identificação do coronavirús porque se o idoso tomou a vacina e tem os sintomas de gripe, logo é feito o exame de verificação para saber se ele contraiu a Covid-19”, explica Maria Célia.

O secretário de Planejamento,  Orçamento e Modernização da Gestão, Axel Grael, está responsável pelas ações sociais na prefeitura no combate ao coronavírus,  como o auxílio de R$ 500 para 35 mil famílias inscritas no cadastro único do Governo Federal.

“Nenhum niteroiense vai ficar desassistido. Não haverá falta de recursos para fazer tudo que precisa ser feito para atender às necessidades da cidade. Estamos buscando dar suporte para quem está em casa afastado das atividades profissionais, famílias de mais baixa renda como ambulantes, feirantes e profissionais independentes. Estamos iniciando o programa que vai atender às famílias que estão cadastradas no cadastro único do governo federal no município e avaliando, em um segundo momento, aquelas que porventura não tenham cadastro", disse Axel.

 

Prefeitura Municipal de Niterói
Rua Visconde de Sepetiba, 987 - Centro - Niterói - RJ